NUANCES DO CORAÇÃO


Nem sei por onde começar,

A chuva cai lá fora,

Enquanto eu procuro a gente aqui dentro.

O sonho de sermos três virou solidão a dois,

É o mal que o tempo faz,

Quando o dia se confundi com a noite,

Quando o sol se esconde atrás da lua,

Em meio a uma história que não é só sua.

Mas existe o carinho rondando por todos os lados,

Então ainda há chance desta dor virar amor,

Basta sentir que o que vem agora é pra sempre,

Mas o pra sempre só acaba quando termina a paixão,

E a paixão sempre resistirá ás nuances e recusas do coração.


Destaque
Tags
Nenhum tag.
  • Facebook B&W
  • Twitter B&W
  • Google+ B&W