AINDA SOBRE O MUNDO QUE NOS RODEIA


O que eu quero da vida é tão simples, Quero muito menos que mereço, E na verdade mereço tão pouco. O mundo dá voltas em torno de nossas ações, Trazendo até nós resquícios de antigas emoções, Perpetuando assim o bem ou o mal em nossos corações, Destilando nas veias de cada um de nós, Aquela vontade de juntos desatarmos os nós, Que a ciranda da vida escolhe pra nos alertar. Estamos andando na direção errada, E o rumo certo ficou junto a quem nós amamos, Que nos quer bem e assim sabe onde está a fonte do saber. Experimente trazer até você as lágrimas já enxugadas, As feridas ainda não cicatrizadas, Que percorrem todo o círculo que se formou ao nosso redor, Trazendo de vez uma paz recente pra dentro de nossa alma, Que assimila com calma todo o turbilhão de um mundo em caos, Satisfazendo assim aos que estão do lado de cá, E amenizando a dor de quem está do lado de lá.

28/03/15


Destaque
Tags
Nenhum tag.
  • Facebook B&W
  • Twitter B&W
  • Google+ B&W