ASA PARTIDA


Onde vou em seguida?

Minha asa partiu,

Estou sem condições de voar,

Pra chegar até seus braços,

Pra me sentir protegido,

Pra eu te proteger de novo.

Não espere mais minha atenção,

Ela se desfez ao entardecer,

Quando você colocou sua máscara,

Voltou-se contra mim e me deixou só,

Procurando razão para validar seu disfarce.

Desde aquele dia que a razão me deixou,

Era tarde da noite e seu carro estava lá,

Mas você preferiu ir caminhando,

Queria entender a confusão de seus pensamentos,

Você queria enfim acreditar que chegou a sua vez,

Espelhos não mais refletem nosso descaso,

Agora é a hora de sermos mais quietos,

E de entendermos a razão de estarmos juntos,

A vida espera que a deixemos no controle,

Mas a morte sempre está à espreita,

Comandando os dias e as noites,

O tempo e o repouso.


Destaque
Tags
Nenhum tag.
  • Facebook B&W
  • Twitter B&W
  • Google+ B&W