top of page

ATÉ A ÚLTIMA LÁGRIMA

A noite se divide,

Tem o pôr do sol ,

Tem a madrugada,

A lua se exibe,

Enquanto a escuridão se exime.

Garrafas de uísque,

Servidas em doses,

Com gelo ou sem gelo,

On te rocks ou cowboy.

Meu hálito enfumaçado,

Beija a sua boca,

E percorre seus pensamentos,

Atravessando tempestades,

Levando nossos desejos,

Para outro canto da cidade.

Onde não há mentiras ,

Onde não há verdades,

Só há uma imensa vontade,

De sorver até o último gole,

De sussurrar até a última palavra ,

De ouvir até o último acorde

De enxugar até a última lágrima.


28/06/24

Comments


Destaque
Tags
Nenhum tag.
bottom of page