TE FAÇO UM TRAÇO

As vezes quando quero lembrar de você,

Espero a tempestade passar,

Ai fecho os olhos e sinto seu perfume,

Ele se espalha por aí quase que como mágica,

E assim posso outra vez entender,

Que amor não é paixão,

Que dar valor não é ilusão.

Aceite as pessoas que estão a sua volta,

Aprenda com elas o que é um bom abraço,

E se acaso você quiser, eu faço um traço,

Que vai te mostrar de onde vem tantos sonhos.

As vezes quando me lembro de você ,

Eu quase me entrego aos meus desejos,

Ai fecho os olhos e sinto que algo vai acontecer,

Não sei se vai ser só por uns instantes,

Ou a gente vai sentir isto mesmo que distante,

Como um adeus que chega sem querer,

Como algo seu já cansado de entender.

Em quase tudo que vejo, sinto falta de um porque,

Que possa me levar até você ,

E te colocar entre meus braços e abraços,

Como se fosse o seu melhor refúgio,

Sua maior proteção, neste mundo tão desigual,

Quero te dar a certeza de que está em boas mãos,

O seu coração.

10/11/20


Destaque
Tags
Nenhum tag.
  • Facebook B&W
  • Twitter B&W
  • Google+ B&W